Buenos Aires: Legado Mitico

Calle Gurruchagas con Costa Rica, você explica para o motorista de táxi. O carro deixa as grandes avenidas da capital portenha e entra no coração do bairro de Palermo Viejo. Pela janelinha é possível ver o prédio pequeno, de dois andares, com uma porta negra, destas antigas. Há uma campanhia. Logo é aberta a porta do hotel Legado Mitico, um nome composto e suntuoso que acomoda apenas 11 habitações.

O encanto é imediato. Uma copa de vinho é oferecida durante o check in. O living fica ao lado, onde acontece o café da manhã, deixe-se afundar em um dos sofás e fique a bebericar seu tinto enquanto os olhos são hipnotizados pela grande prateleira de madeira escura que ocupa cada centímetro da parede. Chegando mais perto observe os livros e objetos que explicam o nome do hotel que é inspirado em heróis e personalidades argentinas. Eva Perón, Che Guevara, Carlos Gardel, Mafalda entraram para o hall.

Das prateleiras as memórias sobem para os quartos. No quarto “O Libertador” o banheiro é um luxo, a pia fica em cima de um móvel de época. Na parede dois lampiões estão em cima de pequenas prateleiras e dentro deles há velinhas. Este é um hotel de detalhes. Mescla o moderno com o clássico. Investe no conforto, tem jeito de casa.

O café da manhã merece entrar para os autos. Em bachelas de prata estão os ovos mexidos e cogumelos refogados. Media lunas, empanadas, pães caseiros, queijos são repostos a todo instante. O acabamento do sache dos chás, de mix de ervas, com bolinhas é um mimo. Quem se apaixonar pode comprar um caixa deles na recepção.

Vale passar o dia zanzando pelas ruas de Palermo, repleto de lojas de roupas, decoração, chás, papelaria e vinhos. Este miolo de Palermo é feito de casas da década de cinquenta onde se instalaram restaurantes da moda em meio a ruas arborizadas. Soho em Nova York? Sim, você, fatalmente fará esta comparação. Palermo é um pedacinho latino da big Apple.

Dica da Cris: reserve um final de tarde para curtir “a dois” o pequeno jardim na área externa, ele tem sofazinhos e um lindo paisagismo. Peça um tinto e deixe as horas correrem livremente… a poucos metros, em todas as direções, há uma gama incrível de bons restaurantes. Depois peça uma dica para o concierge e jante num cantinho simpático.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *