Cidade do Cabo: Cape Grace

Cape Grace é um hotel boutique. Ele fica no cais do porto de Water Front, na África do Sul, um complexo de compras e gastronomia super badalado. Da janela de alguns quartos se pode admirar a imponência da Table Mountain, que tem seu seu topo reto – este é um passeio obrigatório, subir na Montanha da Mesa (com bondinhos como o do Pão de Açúcar) para ter a mais bela vista da Cidade do Cabo que tem a reputação de ser tão deslumbrante quanto São Francisco na California, Sydney na Austráilia e Rio de Janeiro no Brasil. Há muito o que ver e viver na Cidade do Cabo ou Cape Town, mas não será nenhum pecado gastar umas horinhas no Cape Grace. O hotel se diferencia – e muito – pelo atendimento personalizado, ele dispensa balcão de check in, o spa que fica na cobertura é pequeno, mas absolutamente sob medida, os quartos são uma precisão exata entre conforto e estilo, você sente-se em casa.

Seu restaurante, Signal, é considerado um dos grandes endereços gastronômicos da cidade. Então, se você se der conta que está bem acompanhado, num lugar encantador, às favas com os mil lugares que deve conhecer, fique um dia, uma noite entre o spa, o restaurante e seu quarto. No dia seguinte curta os bares da moda na Praia de Camps Bay, se for verão arrisque um mergulho, mas prepare-se a água deste lado do Atlântico é congelante, perca a tarde na feirinha de Green Market onde estão os melhores artesanatos, agende um passeio de barco e veja o sol iluminar a cidade enquanto admira o Lions Head e os Doze Apóstolos, formações rochosas que parecem lapidadas por um escultor.

Se contagie em ver as pessoas correndo ou andando de bicicleta e faça um esporte também, é impressionante como as atividades ao ar livre são comuns por lá. Mais do que isso, contagiam. Quando uma névoa densa chegar e esconder todo o cenário, peça por um cálice de pinotage (uva típica sul-africana) e espere passar, este é um efeito da natureza comum e constante. Na verdade ele rende lindas imagens e empresta um ar dramático à esta cidade que já é singular e sensual por conta própria. Entre no clima.

Cidade do Cabo, Table Bay.

África do Sul, Cidade do Cabo, Table Bay.

A Cidade do Cabo é para a África do Sul o que o Rio de Janeiro é para o Brasil: uma espécie de cidade maravilhosa. Também pudera com dois oceanos, o Atlântico e o Índico dividindo espaço com uma cadeia de montanhas nos mais diversos tamanhos e formatos só poderia resultar num destino exótico e apaixonante. Para o deixar ainda mais apetitoso vale lembrar que ele está dentro da África, mesmo sendo super ocidental, herdou a cultura colorida e vibrante dos negros. Cidade do Cabo ou Cape Town é moderna, organizada e vibrante. Ela é um mix de praia, montanha, vida noturna, gastronomia, compras, pontos míticos como o Cabo da Boa Esperança, feiras de artesanato, farta vida animal e história. Bem, toda África do Sul tem este legado sobre si. É em Cape que está Robben Island onde o ex presidente Nelson Madella esteve preso por 28 anos antes de acabar o regime separatista do Aphartheid. Tempos tristes que ficaram para trás. Para ver de camarote a cidade, a copa do mundo de 2010 e a Table Mountain, seu cartão postal, vale reservar algumas noites no hotel Table Bay, ele fica no coração do cais do porto de Victoria Water Front, um lugar efervescente, cheio de bons restaurantes, bares e cafés. Paraíso das compras com suas 450 lojas, muitas de grife. Tire o final da tarde para se deliciar no chá das cinco – influência da colonização inglesa – no salão principal do Table Bay, escolha um dos sofás, fique a admirar a grande montanha com seu topo reto, o entrar e sair das nuvens, tão típicas de lá. O Table Bay é para quem gosta de majestosos hotéis – são 329 quartos, padrão cinco estrelas, com spa, piscina, restaurantes próprios, quartos espaçosos, serviço de primeira. Tudo grande e glamouroso. Sua localização é perfeita e ótima para de lá sair e conhecer a praia de Camps Bay onde estão os Doze Apóstolos e o charmoso bairro de Clifton, visitar a simpática cidade de Simons e os pinguins da colônia de Bondours Beach, comprar artesanatos em Hout Bay, dirigir pela estrada de Cheapmans Peak Drive com suas curvas rasgando a montanha e degustar vinhos em Stellenbush.